Mão, braço e pele

Como os trabalhadores utilizam principalmente as mãos nos serviços, o ideal é que sejam utilizados os equipamentos de proteção individual para as mãos, as luvas protegem essa parte do corpo que ocupam o primeiro lugar entre as partes mais atingidas nos acidentes. As luvas de segurança têm como função, proteger as mãos, os pulsos e os braços dos trabalhadores dos mais variados riscos no ambiente de trabalho, nos quais estão: riscos químicos e biológicos, como bactérias e fungos e riscos mecânicos, como cortes, perfurações e queimaduras. O profissional em segurança do trabalho tem a obrigação de adquirir os EPIs da empresa em que trabalha. No caso das luvas de proteção, ele precisará considerar algumas coisas, como o tamanho da mão do trabalhador e o tipo de material, textura e tamanhos das luvas. Segundo a Norma Regulamentadora Nº6, podem ser destacados os seguintes Equipamentos de Proteção Individual para proteção das mãos, que deverão ser utilizados pelos empregadores e empregados. Luvas: servem para proteção das mãos contra diversos tipos de riscos, como cortes, agentes químicos, radiações, eletricidade, entre outros. Creme protetor: protege os membros superiores contra agentes químicos. Dedeira: protege os dedos contra agentes abrasivos e escoriantes. As luvas usadas por trabalhadores nas mais variadas áreas devem estar em perfeito estado e não possuir buracos e nem cortes. Todo profissional que precisar usar luvas de segurança no trabalho deve usar de acordo com o tamanho de suas mãos. O material da luva vai de acordo com a necessidade e escolhido pelo profissional de segurança do trabalho. No caso de as luvas sofrerem algum dano, é necessário falar com o responsável e trocar o equipamento. Fonte: Instituto Brasileiro de Ensino Profissionalizante - INBRAEP

Mão, braço e pele

Pague com
Selos
  • Site Seguro

Distribuidora de Suprimentos Campinas EIRELE - CNPJ: 27.360.198/0001-70 © Todos os direitos reservados. 2020